MARILENE MEES PRETTI

 

Sem percebermos... Alienados...

Repetimos dia a dia a história dos judeus...

Matamos pouco a pouco... Injuriados...

Nossos irmãos... Filhos de DEUS.

 

Ignoramos dores e sofrimentos...

Fingimos não enxergar no semelhante tristeza...

Fazemos ouvidos moucos a tantos lamentos...

E sem esforço... Poderíamos encher o mundo de beleza.

 

Deixamos de ajudar aos que sabemos precisar...

Quando batem nossa porta a pedir...

Tão pouco nos custaria ajudar...

O que só faria nosso coração sorrir.

 

Não vemos, como os judeus não viram...

Que Maria e José só traziam paz...

E como eles... Negamos abrigo...

A muitos, a quem por egoísmo nada se faz.

 

Quem pode nos garantir... Precisamente...

Que o que hoje nos procura...

Não é o MESSIAS... Miseravelmente...

Nos testando... Investigando até onde vai nossa loucura.

 

A cada dia que passa... Rotineiro...

Passa por nós um irmão em romaria...

Nós... Não o achamos verdadeiro...

E deixamo-lo caído... Na periferia.

 

Repetimos sim... Todos os dias...

A história de JESUS... Nosso irmão...

Ele segue tal e qual nas SACRAS VIAS...

Não percebemos... Mas morre aos poucos nosso coração.

 

E nós... Bons cristãos... Andando por correto trilho...

Cantamos em coro a bela canção...

Em nome do PAI... Em nome do FILHO...

Esquecendo quanto CRISTO precisou de uma mão.

 

A cada ano que passa...

Comemoramos a ressurreição...

Com festas... Comidas... Ressaca.

E o PAI a nos pedir só comunhão.

 

Para isso foi que morreu nosso irmão...

A PÁSCOA... Devemos sim comemorar...

Cantando sim, essa bela canção...

Enxergando cada um... Que de nós pode precisar.

 

Felizes por saber que JESUS ressuscitou...

Que em nosso meio vive... Sem a cruz do calvário...

Cantemos e oremos... Pois o mundo ele mudou...

Apenas relembrando... A cada ano o cenário.

 

Cantemos então:

 “Em nome do PAI”.

“Em nome do FILHO”.

“Em nome do ESPÍRITO SANTO”

É que estamos aqui.

 
***

15/03/04

 

Clique na figura
envie sua mensagem


O envio que envia rapidinho !!!
 




Desde 05.02.2005,
a sua é a visita número


Direitos autorais registrados®