Que me aparecesse eu queria...

Um cavaleiro moreno...

Cavalgando montaria...

No entardecer com sereno.

 

Que fosse forte e alto...

E se dignasse a me olhar.

Que apeasse num salto...

E ousasse me roubar.

 

Que fosse um cavalheiro...

E que muito me quisesse.

Fosse também conselheiro...

Que tudo por mim fizesse.

 

Que para longe me levasse...

Onde ninguém descobrisse.

Que com amor me tratasse...

E seu coração me abrisse.

 

Que me olhasse com desejo...

De um homem para mulher.

Sentimento benfazejo...

Bem-vindo em hora qualquer.

 


20/05/05

Clique na figura
envie sua mensagem


O envio que envia rapidinho !!!
 




Desde 05.02.2005,
a sua é a visita número


Direitos autorais registrados®