MARILENE MEES PRETTI



 

Meu sonho... Não é ter em minha vida...

Um homem que fique a meu lado todo o dia.

Mas que saiba curar minhas feridas...

Quando estiver em minha companhia.

 

Meu sonho... Não é ter alguém...

Que mostre desagrado quando sorrio para amigos.

Mas que se alegre também...

Sem passar a impressão de estar me passando castigo.

 

Meu sonho... É ter alguém que quando comigo ande...

Compartilhe coisas de que gosto... Eu  tento o mesmo fazer.

Que não queira mostrar ao mundo que me comanda...

Fazendo com que acreditem que sem ele não posso viver.

 

Meu sonho... É ter um companheiro que a um baile me leve.

E saiba me conduzir numa dança romântica...

Rodando todo o salão... Macio e suave como a neve.

Tal qual um cisne no lago... Semântica.

 

E que ao rodar comigo em seus braços pelo salão...

Olhe em meus olhos e sorria...

Mostrando-me toda a satisfação...

Que tem ao estar em minha companhia.

 

Meu sonho... É ter a meu lado um homem...

Que comigo corra pelos campos...

Que comigo sinta que seus problemas somem...

Como acontece... Pois conheço tantos.

 

Sonho... Correr na praia com meu amor...

Falando e sorrindo... Sobre banalidades.

Mas que quando o vento não estiver soprando a favor...

Também possa comigo discutir seriedades.

 

Sonho com alguém que seja sincero...

E tenha em si mesmo confiança...

Sem ter necessidade de se mostrar severo...

Dizendo ser somente ele a comandar a dança.

 

Que compreenda que ninguém é dono de ninguém...

Todos têm direito de escolher...

A vida é uma somente... Existe livre arbítrio também...

E se assim não fosse... Melhor seria morrer.

 

Meu sonho... É um companheiro cheio de paixão...

Que não viva me podando... Fazendo-me meus sonhos matar.

Que me ajude... Incentivando-me na realização...

E se possível... Ajudando-me a concretizar.

 

Uma pessoa... Que não passe todo o tempo...

Tentando provar ao mundo que é meu proprietário.

Pois por maior que seja o amor... Ele passa... Como o vento...

E o ser humano não é uma peça do mobiliário.

 

Um companheiro... É meu sonho este...

Sensível a ponto de se enternecer com uma poesia...

Que ao ouvir suave melodia... Deixe aflorar o que o coração sente.

Deixando os sentimentos fluírem com maestria. 

 

Que ao observar o sol poente...

Ou uma flor na primavera a desabrochar...

Abra o coração... Mostrando que há semente...

A florescer no peito... Sem medo... Pronta a transbordar.

 

Que ao observar uma noite de linda lua...

Veja o satélite além do que é...

Que vendo a natureza tão maravilhosa... Sinta-me só sua.

Sem necessitar mostrar o que não é.

 

É meu sonho... Um cavaleiro em um cavalo branco.

Sonho impossível... Não sou Cinderela.

Um cavalheiro que seja muito franco...

E que me mostre o quanto à vida é bela.

 

Meu sonho... Meu sonho é irrealizável...

A perfeição é inexistente...

Também tenho defeitos... É inegável...

Mas sonho... E sonho é somente o desejo da mente. 

 


 12/08/2003

 



 

Clique na figura
envie sua mensagem


O envio que envia rapidinho !!!
 




Desde 05.02.2005,
a sua é a visita número


Direitos autorais registrados®