MARILENE MEES PRETTI 


O medo é um sentimento bom...

Ele nos sugere cuidado.

Mas... Muitas vezes devemos ignorá-lo.

Devemos arriscar mais.

E se errarmos?

Aprenderemos. E consertaremos.

Por que levar tudo tão a sério?

Demo-nos o direito de relaxar.

Exercitar-se.

Fazer algumas tolices...

Aproveitar mais os momentos...

Pois acredite... Momentos são únicos.

E a vida é feita somente deles.

Valorize o sorriso de seus filhos...

O sorvete gelado num dia bem quente...

Os pés descalços na relva...

Ao amanhecer de novo dia.

Sinta o perfume de uma flor...

Olhe para as folhas que caem no outono...

O gelo formado pelo intenso frio.

Não tenha tanto medo.

Perca um tempinho na sua vida...

E valorize a conversa jogada fora...

Com a vizinha no portão.

Dê-se a chance...

De perder alguns minutos...

Quando ocasionalmente encontrar seus irmãos...

Na casa de sua mãe...

Contando novidades mil.

Para que sair correndo?

O mundo caminha sem você.

Relaxe...

Talvez assim...

Você saberá distinguir o problema verdadeiro...

Daquele que é feito por sua imaginação.

E você não sofrerá antecipadamente...

Quando a vida lhe apresentar algo...

Pelo qual não gostaria de estar passando.

Esqueça às vezes o tempo.

Ele corre normalmente.

Relaxe...

Não tenha tanto medo.

O mundo não pára...

Continua seu ritmo.

Mas você sim...

Pode parar um pouco...

Fazer o que tem vontade.

Tenha certeza... No futuro pelo menos...

Não dirá:

Ah! Se tivesse feito assim.

Ou então:

Ah! Se não tivesse feito.

 


22/11/2004




Clique na figura
envie sua mensagem


O envio que envia rapidinho !!!
 




Desde 05.02.2005,
a sua é a visita número


Direitos autorais registrados®

Arte de Dana Lea Moore, adaptado por Águia Real